"DEUS NÃO NOS DEU ESPÍRITO DE COVARDIA, MAS DE PODER".
(II Timóteo 1:7)
"Não te faças negligente para com o DOM que há em ti, o qual foi concedido mediante PROFECIA, com a imposição das mãos do presbitério".
(I Timóteo 4:14)
 
"Por esta razão, pois, te admoesto que reavives o DOM DE DEUS que há em ti pela imposição das minhas mãos. Porque Deus não nos tem dado espírito de covardia, mas de poder, de amor e de moderação".
(II Timóteo 1:6-7)
 

"EU TRAGO NO CORPO AS MARCAS DE JESUS", dizia Paulo. Todo cristão tem em si um "selo" que é a sua marca: o Espírito Santo, que nele habita e opera. Recebemos essa graça divina ao sermos BATIZADOS pelo Espírito Santo e depois buscamos sempre essa divina presença para sermos GUIADOS pelo Espírito de Deus, o que nos torna FILHOS DE DEUS e nos concede os DONS do Espírito Santo.

"Pois todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são Filhos de Deus. Porque não recebestes o espírito de escravidão, para viverdes outra vez atemorizados, mas recebestes o espírito de adoção, baseados no qual clamamos: ABA PAI. O próprio Espírito testifica com o nosso espírito que somos FILHOS DE DEUS".
(Romanos 8:14-16)

Tenho aconselhado irmãos, novos na fé, que ainda estão desprovidos dessa graça. São batizados no Espírito Santo, gozaram o êxtase da presença viva de Deus neles, mas se dizem "desencantados" por nunca mais terem sentido a alegria jubilosa daquele dia. Está aí uma tarefa para o cristão "maduro": ensinar e estimular os novos crentes a BUSCAR permanentemente ao Senhor e serem GUIADOS pelo Espírito de Deus. Depois de GANHAR as almas é preciso CONSOLIDAR o novo cristão na IGREJA, pois somente assim ele será CAPACITADO por Deus para ser ENVIADO a fazer a Obra do Senhor Jesus.

"Quanto a vós outros, a UNÇÃO que dEle recebestes permanece em vós e não tendes necessidade que ninguém vos ensine, mas a UNÇÃO vos ensina a respeito de todas as coisas, e é verdadeira, e não é falsa, permanecei nEle como também ela vos ensinou".
(I João 2:27)
 

Com todo o amor, portanto, cuidemos das novas almas que ganhamos para Cristo, pois muitos tiveram sua fé "esfriada" porque deixaram de sentir gozo e alegria na manifestação do Espírito Santo, mesmo depois de ter alcançado plena comunhão com Deus. Sinto grande compaixão por esses irmãos "entristecidos" e o amor de Deus flui em mim para lhes dar uma notícia que tem reavivado a todos: Digo-lhes que o seu "namoro" com Deus já cumpriu o seu tempo. E que agora o Senhor está nos propondo algo muito mais sério. Depois do "namoro", Cristo quer agora se casar com a IGREJA e junto com ela fazer nascer novos FILHOS DE DEUS. Ô glória! Aleluia!

"Ninguém pode dizer: Senhor Jesus!, senão pelo Espírito Santo. (...) A manifestação do Espírito é concedida a cada um VISANDO A UM FIM PROVEITOSO. Mas um só e o mesmo Espírito realiza todas estas coisas, distribuindo-as como lhe apraz, a cada um individualmente. (...) A uns estabeleceu Deus na IGREJA, primeiramente Apóstolos; em segundo lugar Profetas; em terceiro lugar Mestres; depois operadores de milagres; depois dons de curar, socorros, governos, variedade de línguas. Porventura são todos Apóstolos? Ou todos Profetas? São todos Mestres? Ou operadores de milagres? Têm todos dons de curar? Falam todos em outras línguas? Interpretam-nas todos? Entretanto, procurai com zelo os melhores dons. E eu passo a mostrar-vos um caminho sobremodo excelente".
(I Coríntios 12:3,7,11,28-31)
 

MAIOR É AQUELE QUE ESTÁ EM NÓS!" Em I João 4:4 Deus nos mostra a extensão do poder que concedeu ao cristão. A Igreja do Senhor Jesus é auto-suficiente em poder. Não devemos temer excesso de trabalho para nós, pois estamos cercados de outros que podem tanto quanto podemos. Bem assim, nunca devemos nos sentir ameaçados de desamparo, porque o mesmo Espírito que opera em quem abençoa também está em quem roga as bênçãos. Levantemos-nos, portanto, nesse PODER e combatamos o bom combate da fé, sem jamais desfalecer, pois o Senhor é conosco, e nada nos é impossível, em nome do Senhor Jesus Cristo. Amém!

"Acheguemo-nos, portanto, confiadamente, junto ao trono da graça, a fim de recebermos misericórdia e acharmos graça para socorro em ocasião oportuna".
(Hebreus 4:16)
 
"Vós sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós sim, que antes não éreis povo, mas agora sois povo de Deus, que não tínheis alcançado misericórdia, mas agora alcançastes misericórdia".
(I Pedro 2:9-10)
 
 

 

 

 

     Pastor Luciano mqz - "O Bom Pastor"

      ICEU – Igreja Cristã Espiritualista Ubaldiana

      MISOM – Ministério Sacerdotal da Ordem de Melquizedeque (mqz).

      (Hebreus 5:5-6,10 e 7:11-19)


Ouça nossa Rádio

Rádio Iceunet.Org

Adicione ao Messenger:
 radioiceunetorg@msn.com
radio@iceunet.org

Clique AQUI e recomende essa página a um amigo.